Testando o Amazon Elastic Compute Cloud (EC2)

O Amazon Elastic Compute Cloud (Amazon EC2) é um serviço da web que fornece capacidade computacional redimensionável na nuvem. É projetado para tornar a escalabilidade computacional de nível de web mais fácil para desenvolvedores.

Resolvi fazer um teste usando meu site como cobaia. Hoje (22/12/2011) ele está hospedado na Amazon. Não foi muito complicado configurar, na verdade foi até simples. Apenas criei uma nova instância do EC2 no AWS Management Console usando uma Amazon Machine Images (AMI) da BitNami, que já tem um LAMP (Linux (Ubuntu)+Apache2+MySQL+PHP5.3) totalmente configurado, e criei as zonas do DNS para meu domínio usando o Amazon Router 53.

Ao criar a instância do EC2, você deve salvar o “Key Pair” que você criará no processo. Este arquivo terá a única chave que está liberada no servidor. Você só conseguirá acessar o servidor com esta chave. Salve ela logo, pois depois de criada a instância, a chave não poderá mais ser salva.

Após criar uma instância, você deve liberar as portas dos protocolos SSH e HTTP no menu Security Groups. Se não liberar, você não terá acesso ao SSH e nem seu site ficará visível.

Após isso você deve criar um Elastic IPs e depois associar este IP à sua instância criada anteriormente. Esse será o IP do seu servidor, o IP que você usará para conectar-se ao SSH e para configurar o DNS com o Amazon Router 53.

Com isso você já pode tentar conectar por SSH e enviar seus arquivos. Lembrando que você não pode conectar-se como root, o único usuário liberado é o bitnami onde dá acesso apenas com a chave privada que você criou anteriormente. Após isso você pode dá um “sudo su” para pegar direitos de root.

ssh -i /path/to/your/key/pair bitnami@ip_servidor

Um outro passo importante é configurar o Amazon Router 53, criando uma zona com seu domínio. Crie os Record Sets para a zona criada, criando principalmente os registros do tipo A apontando para o IP externo do servidor. Aqui mesmo você encontra os “NSs” que você deve usar para trocar seu domínimo para a Amazon.

Pronto, agora é só alterar os DNSs do seu domínio para apontar pra Amazon.

PS: o Apache, PHP e MySQL estão todos instalados no /opt/bitnami/. Vá até lá e configure os serviços da forma que você quiser.

6 ideias sobre “Testando o Amazon Elastic Compute Cloud (EC2)

  1. Muito bom este Amazon Elastic Compute Cloud (EC2), as páginas do blog carregam como se a instalação fosse em localhost (servidor local). Ao contrário de você, preferi instalar o Ubuntu cloud 11.10, e instalar o LAMP (Apache+MySQL+PHP) separadamente, um de cada vez. Depois instalei o NGINX para trabalhar como proxy reverso, melhorando consideravelmente o desempenho do server.

    Saudações.

  2. Tenha em mente que é possível usar um servidor de DNS próprio na sua instância, tal como o Bind, no entanto, este é um assunto que eu não domino, pelo que, preferi usar o serviço Route 53 da Amazon pela sua extrema praticidade e facilidade de usar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*


*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>